Por que nossa Roda é FEMINISTA?

    Existem alguns temas que consideramos fundamentais de serem discutidos por nós, capoeiristas, dentre eles, destacamos: a desigualdade de gênero na capoeira, as rodas de mulheres e a prática de violências (física e simbólica) contra mulheres nas rodas e academias.

    Assistam ao vídeo abaixo e vejam o que disse a capoeirista, historiadora e feminista, Adriana Albert Dias (Pimentinha), em 2017 após uma mesa redonda em que as mestras (Alcione, Tizsa, Gêge e Di)  e contramestras (Brisa e Susy) contaram sobre as suas trajetórias enquanto capoeiristas. Esta mesa aconteceu no evento “Gingando por autonomia I” organizado por mestra Gêge (Fica-Valença).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s